Aperte o play

      
Aperte o play!

    
E vem!
#EXPERIÊNCIAS


          Deus plantou em meu coração um novo e ousado sonho... Gravar as experiências que tive durante todas essas décadas de ministério no louvor, na adoração, no ensino e na palavra. Desde os meus 9 anos de idade, quando aceitei Jesus como meu único e suficiente salvador, fui plantado e criei raízes profundas na IV Igreja Presbiteriana Renovada de Anápolis, onde fui ministro e líder de louvor, líder de jovens, professor de escola bíblica dominical e de música, evangelista, diácono e atualmente presbítero. Essas etapas em minha caminhada cristã me trouxeram inúmeras experiências, as quais me norteiam e me mantêm de pé. Eu sempre digo que se algum dia a fé de alguém for questionada, se esse alguém já teve alguma experiência com Deus, aquela experiência irá mantê-lo no caminho, pois as nossas experiências ficam marcadas dentro de nós por toda a nossa vida. Desse modo, separei algumas das minhas experiências com Deus, pessoais e coletivas que resultaram em canções que têm edificado a mim e às pessoas que fizeram parte delas direta ou indiretamente.

            Quero começar relatando sobre a canção: Mostra-nos, meu tio Egnaldo frequentemente, recebe em sonhos, grandes revelações de Deus, ultimamente aprouve o Pai dar-lhe canções, cumprindo literalmente o verso que diz: “Aos amados Deus dá enquanto dorme”. Segundo ele ocorre geralmente assim... No meio da madrugada ele é surpreendido cantando melodias e letras inéditas, as primeiras ele não conseguiu gravar ao acordar e as perdeu. Então eu disse a ele: Quando isso ocorrer novamente, grave na hora, e ele assim o fez. Num sonho onde ele estava na igreja e eu cantava uma música que dizia: “Não dá pra segurar, derrama Tua shekinah”. Era segundo ele, uma canção bem agitada e a igreja correspondia interagindo comigo, enfim ele acordou de madrugada, gravou, me mandou pelo celular e Deus me permitiu concluí-la.


          Era um domingo de manhã e estávamos ensaiando na igreja para o culto à noite, o Espírito Santo estava agindo e sentíamos forte a sua presença naquele lugar. Durante uma oração Deus me surpreende com um cântico espontâneo e aquilo foi fluindo de maneira sobrenatural, Deus me direcionou a gravar aquilo e assim eu fiz, de repente todos ali cantavam comigo e foi maravilhoso! Ao chegar em casa, daquele cântico, surgiram duas belas canções e Este lugar é Santo, carinhosamente apelidada por Fogo, foi uma delas.


           Estávamos à véspera de uma nova campanha na igreja com o tema “Cura da alma” embasada no Salmo 43. A primeira canção que me veio à mente, sem dúvida foi: “Por que te abates oh minha alma e se comoves, perdendo a calma”, a canção mais óbvia para o momento, todavia ao cantá-la, a achei muito triste, apesar de bela. Diante disso busquei em Deus uma canção que curasse a minha alma em particular e com uma melodia mais alegre. Numa noite fui agraciado com Espera em Deus e para minha surpresa essa canção além da minha, tem curado várias almas.
         
         O líder do trabalho na época me pediu para buscar uma canção para que fosse o tema, eu então disse a ele: Vou buscar sim, se caso Deus quiser me dar uma canção como tema, eu te mostro e se você aprovar, cantamos. Ele disse tudo bem! Para minha surpresa e para a Glória de Deus, quando cantamos, a igreja foi tomada por uma unção maravilhosa e entendemos ali que Deus havia aceitado aquela canção como tema do trabalho.
            Maravilhado e grato a Deus por minha segunda paternidade, uma das experiências mais profundas do homem, o fato de ser pai. Comecei então a escrever e cantar o que estava em meu coração naquele instante, e surgiu ali essa canção para Esther Suzan: Regadas com meu amor!
          Fecho esse EP com uma canção muito especial, para uma pessoa como eu, um tanto ansiosa. Lendo durante minha devocional, Eclesiastes 3, este texto me inspira cada vez que leio me trazendo paz em saber que “há tempo para todo o propósito debaixo do céu”. Eu não me recordo de nenhuma canção que o apresente a sua totalidade. Deus vem me presenteia com: Tempoou simplesmente Eclesiastes 3; um maná. Um grande desafio para mim, não torna-la cansativa e ao mesmo tempo manter sua riqueza linguística, teológica e didática. Tentei deixa-la constante e crescente, até mesmo os acordes num ciclo infinito, nos remetendo a todo o instante ao tempo.
          O objetivo deste EP é simplesmente que você, ao ouvi-lo, conhecendo cada uma de suas histórias, saiba que Deus ainda está vivo, Ele ainda fala, Ele ainda escuta, Ele ainda responde e que Ele ainda quer se relacionar com você de maneira intima e sobrenatural te proporcionando novas EXPERIÊNCIAS todos os dias da sua vida.